Os efeitos do glúten no sistema nervoso

Voltando a falar sobre o glúten e seus efeitos, trombei com este artigo e achei interessante compartilhar, principalmente porque aborda a Sensibilidade ao Glúten não Celíaca, problema que atinge muitas pessoas, porém muito difícil de ser diagnosticada pelo modelo de exames atual.

A página está em Inglês, tomei a liberdade de transcrevê-la aqui – mas o link direto para a fonte está no final do post.

sem gluten sem lactose

(NaturalNews) Glúten é uma proteína encontrada no trigo, cevada, centeio, aveia e malte. É uma proteína grudenta que adere a parede do intestino delgado causando problemas de imunidade e digestivos.

A condição mais comumente associada ao glúten é a doença celíaca, onde as microvilosidades do intestino delgado ficam achatadas. Entretanto, a resposta imunológica disparada pelo glúten em organismos sensíveis pode afetar diferentes tecidos e é cunhada como Sensibilidade ao Glúten não Celíaca (SGNC, ou em inglês, NCGS). A SGNC é um importante fator para inflamações no cérebro e sistema nervoso.

Estudos indicam relação entre a sensibilidade ao glúten e desordens em todo o sistema nervoso, incluindo o cérebro, medula e nervos periféricos.

O glúten é um gatilho para doenças psiquiátricas, problemas motores e cognitivos, esclerose múltipla, enxaqueca e virtualmente qualquer outra doença neurológica.

Em alguns indivíduos, o organismo se torna tão sobrecarregado combatendo a sensibilidade ao glúten além dos já existentes desafios da vida moderna como toxinas, parasitas e trauma, que podem ter reações imunológica severas podendo durar até 1 mês após a exposição a proteína.

Isso significa que o consumo de glúten um dia pode provocar quadros inflamatórios que podem durar até 3 meses. Por isso é tão importante manter-se rigidamente livre de glúten.

A complexidade da sensibilidade ao glúten.

Glúten é formado por uma porção chamada gluteína e outra chamada gliadina. A gliadina pode ser quebrada em alpha, omega e gama gliadinas. A maioria dos laboratórios só procuram pelos anticorpos alpha gliadina durante os exames, que significa uma parcela muito pequena da molécula. Muitas vezes o exame dá negativo porém o organismo do paciente está reagindo a outro componente da molécula do glúten.

A Gluteína é a responsável por dar elasticidade à massas, permitindo o desenvolvimento das características dos alimentos panificados. Muita gente apresenta reações severas a esta molécula, que também não é detectada nos exames comuns em busca de anti-gliadina.

Opioides baseados em glúten

Enquanto o corpo metaboliza o glúten, está criando opioides na forma de gluteomorfina. Quando o indivíduo sensível a opioides elimina o glúten da dieta, pode causar vários efeitos colaterais similares aqueles que estão se livrando de drogas como a heroína. Os sintomas incluem depressão, alterações bruscas de humor, náusea, vômitos e atividade intestinal fora do comum. O quadro pode durar de vários dias a semanas.

Reação Cruzada

Reação cruzada do sistema imunológico acontece quando um sistema imune confunde uma proteína com a outra. A proteína do glúten é similar as estruturas no sistema nervoso e na tireoide. Quando o corpo produz anticorpos para o glúten também pode estar se defendendo do próprio tecido nervoso ou tireoide. Esta confusão pode danificar o cérebro, a tireóide e outros tecidos neurológicos quando o individuo consume glúten.

A área mais comum de acontecer a reação cruzada é com a família de proteínas localizada nos neurônios chamado de sinapsina. Estas proteínas ajudam a regular a transmissão entre os neurônios. Isso é mais comum no cerebelo, o que pode causar tonturas, vertigens, problemas motores e ansiedade.

O artigo original traz todas as fontes e estudos de referência. Pessoalmente, acredito não devemos confiar cegamente em tudo que lemos, e sempre checar as fontes. Porém vale a máxima: escute sempre seu corpo e aprenda a identificar o que não faz bem.

via Gluten and inflammatory disorders of the brain and nervous system – NaturalNews.com.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s